414

Estratégias de monitorização e avaliação através de recursos e métodos digitais turma _2324_B3_T1

Apresentação

Esta ação engloba metodologias inicialmente expositivas, mas com vista ao posterior desenvolvimento de trabalho prático e colaborativo, de forma a que os formandos contactem com os objetivos das competências digitais para educadores, definidas pela União Europeia (European Framework for lhe Digital Competence of Educators) no que diz respeito em particular à Área da Avaliação e as integrem nos documentos normativos portugueses. Deverão os formandos, em primeiro lugar, compreender as diferentes dimensões de avaliação através das tecnologias digitais e conhecer estratégias que, recorrendo a essas mesmas tecnologias, potenciem o processo avaliativo e o possam promover de forma inovadora, indo ao encontro do Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória e do Decreto-Lei n.º 55/2018, de 6 de julho. De seguida a ação contempla o desenvolvimento de trabalho prático, individual e de grupo, para a concepção de materiais adequados a avaliação formativa, monitorização, feedback aos estudantes e sumativa. No período que a Educação atravessa e onde o uso do digital se revelou de suma importância para a continuidade do processo de ensino e de aprendizagem, entende-se que o desenvolvimento de competências digitais transversais e, neste caso, em particular no que diz respeito à avaliação, assumem particular importância para se conseguir, doravante, que o digital e o presencial se articulem numa formação de carácter híbrido e onde os mundos online e offline colaboram para potenciar o ato de formar.

Destinatários

Educadores de Infância e Professores dos Ensinos Básico e Secundário

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Educadores de Infância e Professores dos Ensinos Básico e Secundário. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira. No âmbito do Despacho n.º 4840/2023, publicado a 21 de abril de 2023 a ação de formação, releva na dimensão científico-pedagógica para a progressão da carreira docente Educadores de Infância e Professores dos Ensinos Básico e Secundário.

Objetivos

Pretende-se que os professores sejam capazes de: - conhecer métodos e estratégias digitais para desenvolvimento da avaliação em contexto educativo; - desenvolver competências ao nível do uso de tecnologias digitais para avaliação formativa e sumativa através de recursos diversificados e inovadores; - preparar recursos digitais que permitam a análise de evidências das competências dos estudantes bem como o feedback sobre essas evidências; - identificar recursos e estratégias que fazem uso do digital para adaptar as estratégias de ensino às necessidades dos estudantes; - identificar estratégias e recursos que fazem uso do digital para que os estudantes façam uso do feedback para estruturar o desenvolvimento das suas aprendizagens.

Conteúdos

A ação desenvolve-se em torno de três domínios específicos: - estratégias de avaliação; - análise de evidências; - planeamento e feedback. Estes três domínios integram o quadro referencial European Framework for lhe Digital Competence of Educators, e em conjunto visam o trabalho com tecnologias digitais de forma a criar um todo que recorre a diferentes evidências do trabalho com os estudantes para os orientar, guiar a auxiliar na construção dos seus conhecimentos. Num primeiro momento, serão apresentados os documentos orientadores e analisados pelos formandos, de forma a identificar as componentes específicas que compõem a Área da Avaliação. Num segundo momento serão apresentados diferentes recursos digitais, as suas características e funcionalidades específicas e de que forma podem ser utilizados em diferentes momentos do processo de monitorização e avaliação dos estudantes. Um terceiro momento da formação visa permitir aos docentes que trabalhem com as ferramentas apresentadas, de forma individual e/ou em grupo, para tomarem contacto com as suas potencialidades e compreenderem de que modo se podem apropriar delas para as suas experiências e necessidades individuais. Finalmente os formandos devem preparar um trabalho final que contemple diferentes etapas do processo de avaliação. Módulo 1 - Enquadramento e documentos orientadores - Apresentação dos documentos orientadores: - Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória e Decreto-Lei n.0 55/2018, de 6 de julho; - DigCompEdu - Quadro de referência para as competências Digitais dos Educadores; - Definição de um perfil de competências na área da Avaliação com recursos digitais. Módulo 2 - Estratégias de planeamento, análise de evidências, avaliação e feedback - Recursos e Tecnologias digitais para avaliação formativa e sumativa; - Cenários de avaliação que recorrem a instrumentos digitais para monitorização, acompanhamento e feedback; -Adequação de recursos de avaliação e acompanhamento à luz da educação inclusiva. Módulo 3 - Planificação de estratégias digitais de avaliação - Planificação e desenho de um projeto de avaliação a partir de recursos digitais (avaliação formativa e acompanhamento, avaliação sumativa e feedback); - Implementação do projeto desenhado em contexto educativo. Módulo 4 -Apresentação de trabalhos - Apresentação dos trabalhos realizados; - Discussão e conclusões da Ação.

Metodologias

O trabalho presencial (9h) e online (3,5h) centra-se numa metodologia expositiva e de debate para apresentação e análise dos conteúdos teóricos da ação, preparação do trabalho a colocar em prática em contexto educativo e respetiva avaliação. O trabalho autónomo (12,5h) dos formandos será desenvolvido a partir de metodologias de trabalho individual e de grupo, de reflexão e descoberta, interação e trabalho de campo, pretendendo-se que os formandos contactem de forma prática com as ferramentas, se apropriem delas para desenhar o seu projeto e aplicar em contexto educativo. Os formandos deverão depois analisar e refletir sobre os resultados obtidos aquando da aplicação prática do projeto, aprender com a sua experiência e debater com os seus colegas os resultados obtidos na última sessão presencial.

Avaliação

Os/As formandos/as serão avaliados utilizando a escala de 1 a 10 valores, conforme estipulado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, recorrendo aos parâmetros de avaliação estabelecidos pela DGE e respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua. A avaliação contínua do desempenho dos/as formandos/as terá por base o trabalho realizado nas sessões presenciais, assim como na componente de trabalho autónomo, em função das atividades realizadas com os/as alunos/as, ao nível da sala de aula e/ou de outros contextos das práticas pedagógicas dos/as formandos/as. Na parte final da ação, haverá também uma avaliação dos/as formandos/as tendo por objeto a apresentação dos trabalhos da componente autónoma, bem como o relatório individual.

Bibliografia

Dias-Trindade, S. & Ferreira, A. G. (2020). Digital teaching skills: DigCompEdu Checkln as an evolution process from literacy to digital fluency. ICONO14. 18(2). Dias-Trindade, S.; Mill, D. (orgs.) (2019). Educação e Humanidades Digitais: aprendizagens, tecnologias e cibercultura. Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra. ISBN: 978-989-26-1771-8. DOI: https://doi.org/10.14195/978-989-26- 1772-5 EU SCIENCE HUB (2017). Learning and Skills for lhe Digital Era. Disponível em URL: https://ec.europa.eu/jrc/en/research­ topic/learningand-skills. Acesso em 15 novembro 2019. Ranieri, M., Bruni, 1., & Xivry, A. C. O. (2017). Teachers' Professional Development on Digital and Media Literacy. Findings and recommendations from a European project. REM - Research on Education and Media. 10(2), 10-19. Redecker, C. European Framework for lhe Digital Competence of Educators: DigCompEdu. Punie, Y. (ed). EUR 28775 EN. Publications Office ofthe European Union, Luxembourg, 2017, ISBN 978-92-79-73494-6, doi:10.2760/159770, JRC107466

Formador

Salomé da Silva Pedro

Início: 11-04-2024
Fim: 23-05-2024
Acreditação: CCPFC/ACC-122254/23
Modalidade: Oficina
Pessoal: Docente
Regime: b-learning
Duração: 25 h
Local: Escola Secundária D. Inês de Castro - AE Cister